Life Style

Analista revela o 'time mais dormido' da AFC

(Foto de David Eulitt/Getty Images)

A AFC já esteve profunda nas últimas duas temporadas, mas ficou ainda mais profunda e talentosa nesta entressafra.

Um ano atrás, o time mais badalado da conferência era o New York Jets, que havia negociado pelo futuro quarterback do Hall da Fama Aaron Rodgers e também trouxe Dalvin Cook, quatro vezes running back do Pro Bowl.

Mas Rodgers rompeu o tendão de Aquiles na primeira série ofensiva dos Jets, e lá se foi a temporada.

Desta vez, eles são uma equipe polarizadora, pois alguns acham que têm chances de serem muito bons, enquanto muitos outros não acreditam neles.

Kay Adams, da “Up & Adams”, acredita que os Jets são os “times que mais dormiram” na conferência.

Acabou de ser anunciado que os Jets abrirão a temporada regular de 2024 no Monday Night Football contra o atual campeão da NFC, San Francisco 49ers, o que será um teste difícil para eles.

Os 49ers têm uma frente de ataque um tanto renovada na defesa, que inclui o lado defensivo Leonard Floyd, que, como Adams apontou, causou a lesão no tendão de Aquiles de Rodgers em setembro passado.

A linha ofensiva de Nova York, que foi um ponto de discórdia em 2023, pode ser um pouco melhorada graças à adição de Tyron Smith, oito vezes Pro Bowl, e eles ainda têm uma equipe talentosa na defesa.

Ofensivamente, eles contrataram o wide receiver Mike Williams para fornecer algum apoio ao ex-novato ofensivo do ano Garrett Wilson, enquanto Breece Hall é um jovem running back promissor.

O talento existe para os Jets serem muito competitivos, mas tudo depende de quão bem Rodgers joga aos 40 anos, após uma lesão que muitas vezes encerra a carreira de um atleta de elite.

PRÓXIMO:
Kirk Cousins ​​revela como descobriu que os Falcons estavam escalando Michael Penix Jr.



Source link

Related Articles

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Back to top button